30 de jul de 2009

Vira-Casaca.

Havia numa cidadezinha um sujeito que era palmeirense de verdade. Diziam que, no mundo inteiro, não havia ninguém mais palmeirense do que ele. O homem envelheceu e ficou muito doente. Estava nas últimas, tinha só mais uns dias de vida. Então mandou chamar seu filho mais velho e ordenou:

— Filho, vá até o parque São Jorge pra mim, tire uma carteirinha de sócio do Corinthians para o seu velho pai e compre uma camisa do Timão.

O rapaz não entendeu nada, mais foi. Voltou para casa com a carteirinha e a camisa. Quando o velho viu deu aquele sorriso! Jogou fora a camisa do Verdão, vestiu imediatamente a do Coringão e agarrou a carteirinha junto ao peito. O filho, achando que o pai estava pirando, não resistiu:

— Mas, pai... O senhor toda a vida foi palmeirense fanático. Não conheci outro como o senhor. Porque agora, no fim da vida, resolve mudar de time?

E o pai:

— É que eu quero que morra mais um Corinthiano.

25 de jul de 2009

Momento Literatura mode on

Sempre é preciso saber quando uma etapa chega ao final...

Se insistirmos em permanecer nela mais do que o tempo necessário, perdemos a alegria e o sentido das outras etapas que precisamos viver.
Encerrando ciclos, fechando portas, terminando capítulos. Não importa o nome que damos, o que importa é deixar no passado os momentos da vida que já se acabaram.
Foi despedida do trabalho? Terminou uma relação? Deixou a casa dos pais? Partiu para viver em outro país? A amizade tão longamente cultivada desapareceu sem explicações?


Você pode passar muito tempo se perguntando por que isso aconteceu....
Pode dizer para si mesmo que não dará mais um passo enquanto não entender as razões que levaram certas coisas, que eram tão importantes e sólidas em sua vida, serem subitamente transformadas em pó. Mas tal atitude será um desgaste imenso para todos: seus pais, seus amigos, seus filhos, seus irmãos, todos estarão encerrando capítulos, virando a folha, seguindo adiante, e todos sofrerão ao ver que você está parado.
Ninguém pode estar ao mesmo tempo no presente e no passado, nem mesmo quando tentamos entender as coisas que acontecem conosco.


O que passou não voltará: não podemos ser eternamente meninos, adolescentes tardios, filhos que se sentem culpados ou rancorosos com os pais, amantes que revivem noite e dia uma ligação com quem já foi embora e não tem a menor intenção de voltar.
As coisas passam, e o melhor que fazemos é deixar que elas realmente possam ir embora...
Por isso é tão importante (por mais doloroso que seja!) destruir recordações, mudar de casa, dar muitas coisas para orfanatos, vender ou doar os livros que tem.
Tudo neste mundo visível é uma manifestação do mundo invisível, do que está acontecendo em nosso coração... e o desfazer-se de certas lembranças significa também abrir espaço para que outras tomem o seu lugar.


Deixar ir embora. Soltar. Desprender-se.


Ninguém está jogando nesta vida com cartas marcadas, portanto às vezes ganhamos, e às vezes perdemos.
Não espere que devolvam algo, não espere que reconheçam seu esforço, que descubram seu gênio, que entendam seu amor. Pare de ligar sua televisão emocional e assistir sempre ao mesmo programa, que mostra como você sofreu com determinada perda: isso o estará apenas envenenando, e nada mais.
Não há nada mais perigoso que rompimentos amorosos que não são aceitos, promessas de emprego que não têm data marcada para começar, decisões que sempre são adiadas em nome do "momento ideal".


Antes de começar um capítulo novo, é preciso terminar o antigo: diga a si mesmo que o que passou, jamais voltará!
Lembre-se de que houve uma época em que podia viver sem aquilo, sem aquela pessoa - nada é insubstituível, um hábito não é uma necessidade.
Pode parecer óbvio, pode mesmo ser difícil, mas é muito importante.

Encerrando ciclos. Não por causa do orgulho, por incapacidade, ou por soberba, mas porque simplesmente aquilo já não se encaixa mais na sua vida.
Feche a porta, mude o disco, limpe a casa, sacuda a poeira. Deixe de ser quem era, e se transforme em quem é. Torna-te uma pessoa melhor e assegura-te de que sabes bem quem és tu próprio, antes de conheceres alguém e de esperares que ele veja quem tu és..
E lembra-te:

"Tudo o que chega, chega sempre por alguma razão."

Fernando Pessoa

22 de jul de 2009

Humor

Olá, blogueiros, orkuteiros, twitteiros, msnizeiros, WTFeiros :)

Ultimamente ando tendo variações de humor tão sinistras quanto a de alguém que possui 8 ou 9 personalidades (só tenho 2). Num segundo, estou mais feliz que pinto no lixo...logo depois, mais triste que emo ouvindo simple plan tentando cortar os pulsos com aquela faquinha de plastico sem corte usadas em festas.

Quem me conhece sabe que eu não sou de ficar triste, muito menos de ter essas variações de humor, mas fui influenciado por fatores externos, logo a única coisa que eu poderia fazer era esperar, esperar, esperar...e esperar. Esperei tanto que eu to voltando a viver do jeito que sempre vivi: liz e de bem com a vida.

Sempre me diziam: "Espere que a tua hora vai chegar, não desista, seja forte"...agora eu percebo o real significado disso. Não, não tem nada a ver com você ficar parado, sentado numa cadeira vendo a vida passar pensando "vai aparecer algo". Não. A verdade é que, você vai acabar fazendo outras coisas, e essas coisas é que vão lhe proporcionar momentos bons e oportunidades de mudança.

Ontem conversando com uma amiga ela me disse algo que ficou na minha mente por horas até eu dormir, e agora tá fixado na minha mente: "Sem as decepções a vida não teria graça"**

E ela tem razão! Não teria graça viver num mar de rosas. Não valeria a pena viver sem as decepções, pois elas, juntamente com as nossas escolhas (certas e erradas-que geram a decepção-) que moldam a nossa personalidade e traçam o rumo da nossa vida . Imaginem se nós nunca nos decepcionássemos, nunca saíssemos da linha, enfim...sempre fazendo a escolha "certa": Além do fato da vida perder um pouco da sua essência, nunca experimentaríamos coisas novas. Ser humano foi criado para errar e aprender com os seus erros.

Não querendo fazer um post parecido com o anterior, nesses colocarei mais coisas felizes :D

Ontem à noite descobri uma coisa muito legal: Passei no CEDERJ, que pode ser descrita como a UFF à distância. Passei para sistemas de computação, minha área *-* (nerd)
Outra coisa muito legal que eu descobri ontem foi a diferença da tequila "silver" pra "gold". A silver é usada em drinks, e a gold é pra ser tomada pura. E sim, isso é totalmente desnecessário.

Deixo um pensamento para vocês: Quando acharem que algo não há solução, que a sua vida está desabando e você não pode fazer nada, relaxe. Mais cedo ou mais tarde você recebe tudo o que você sofreu transformado em coisas boas...seja em realizações, amizades, amores. É a lei universal da ação e reação:"Toda ação gera uma reação de mesma força em sentido contrário" (muito nerd agora)

Para fechar este post, uma música que baixei esses dias e não paro de ouvir
Megadeth - Head Crusher
http://www.youtube.com/watch?v=DuvcDyE4GCM&feature=related

até você que não gosta de Metal, vai curtir :D

"Now let the torture begin! "

**a frase não era exatamente isso, mas é quase isso :)




17 de jul de 2009

Balanço desse ano.



Olá

Quase 1 ano que não posto aqui, então no banho decidi voltar e escrever qualquer coisa :D

Bom, esses últimos 12 meses foram sem dúvida, os mais emocinantes da minha vida. Vários momentos ficarão para sempre na minha memória: os bons, os comuns, e obviamente, os piores. Aprendi muito esse ano, e algumas coisas eu gostaria de compartilhar com o mundo.

Carioca de corpo e alma, nunca fiquei muito tempo parado num relacionamento, estava sempre à procura da "próxima da lista". Mas nesse período, esse pensamento sequer passou pela minha cabeça. Estava tão feliz com o que eu tinha que não precisava de mais nada...um sorriso transformava um dia tenebroso em mais um dia feliz da minha vida. Mas como nem tudo que reluz é ouro, sofri várias quedas nessa fase que fizeram com que a minha vida virasse de pernas pro ar. Coisas que eu achei que haviam sumido ainda estavam lá, "firmes e fortes"...entretanto, coisas que achei que seriam eternas escorreram pelas minhas mãos feito água...e eu não pude fazer absolutamente nada para tentar mantê-las. E quando eu tava no fundo do poço, advinhem: Era fundo falso! ;(

É...o preço que se paga às vezes é alto demais...

No ano em que eu pensei que fosse diferente, quando decidi lutar pelo que me fazia mais feliz não importando as circunstâncias nem o que era necessário sacrificar, acabou se transformando em mais um ano desses 20 vividos por mim. Depois de muito lutar contra o que estava sendo jogado na minha cara com toda força pela realidade, acabei desistindo de ir contra a maré e aceitei o fato: Nada além da amizade dura para sempre.

E é isso que me mantém na estrada.

Meus amigos, os verdadeiros amigos...que sempre estão do meu lado, me ajudando quando estou na pior, que se abrem comigo quando precisam de ajuda, que confiam em mim (e tenham a certeza de que essa confiança é recíproca). Poderia citar aqui vários nomes, mas sei que eles sabem que são deles que estou falando.

Como diria Humberto Gessinger em Além da Máscara :"Agora que o tempo é relativo Não há tempo perdido, não há tempo a perder". E é seguindo esse conceito que eu vou tocar a minha vida. Arrependimentos? Nenhum! Aliás, agradeço por ter passado por todos esses altos e baixos...experiência de vida, né?! Pra encerrar esse post, Humberto Gessinger e Duca Leindecker - Além da Máscara (tocada no programa "Radar") http://www.youtube.com/watch?v=8HEzQQ5FAA0 cya!

pois é!
volto aqui para 2 coisas:
1º: Tempo perdido você não recupera, então...não perca mais tempo!
2º: o Blog ranking e listas está sorteando um vale R$200 em compras no submarino. http://rankingslistas.blogspot.com/2009/07/promocao.html#comment-form

vamo lá!

um dia desses eu faço um texto decente.
cya!